• Guilherme Moro

Flake Rock Inc abrem playlist e compartilham o que ouvem do Rock atual e clássico

O rock pode não estar entre os estilos mais tocados atualmente, mas que está longe de cair no esquecimento, isso ninguém tem dúvidas. Grandes nomes do gênero continuam atravessando gerações, enquanto novas bandas e ídolos surgem trazendo todo um frescor para o ritmo. Pensando nisso, a banda paulistana Flake Rock Inc elaborou uma playlist com tudo que eles mais ouvem de rock atual, clássicos e, garantem, muitas surpresas.



Confira abaixo algumas escolhas dos integrantes:


Fabio Ota- Baterista


Músicas: Siam Shade - LOVESICK -You Don’t Know / UVERWorld - Shamrock


“Na minha playlist continua tocando muito Rock em especial J-Rock, que são as bandas de rock do Japão, com destaque para as bandas dos anos 90 e 2000. Gosto muito porque trazem muitas influências das bandas de hard-rock americanas dos anos 80. Além disso, por conta do meu filho de 2 anos, tenho acompanhado bastante músicas do canal Mundo Bita, que são voltadas ao público infantil, porém com composições recheadas de significados e valores importantes. Além de grande compositor, empreendedor e músico, o criador do canal Mundo Bita, Chaps Melo, é apreciador de rock, então sempre há referências do rock em suas músicas, apesar de serem feitas para crianças.”


Guilherme Valerini- Vocalista


Músicas: Scar tissue- Red Hot Chili Peppers/ The Killing Moon- Echo and the Bunnymen


“A minha playlist tem muita coisa do rock anos 90, desde o Grunge e rock alternativo do início da década (com RHCP, Nirvana, REM, Pearl jam, Soundgarden e etc) passando pelo britpop do Oasis, Blur, Placebo e The verve, ja no meio da década. Mas o período que mais acompanhei e vivi, já tocando inclusive, dessa época, foi o meio pro final dos anos 90. E nessa época quem mais se destacou foi o Red Hot Chili Peppers, Oasis, Foo Fighters e Silverchair, portanto esses artistas estão em peso na minha playlist. O rock nacional nos anos 90 também não pode faltar com: Skank, Raimundos, Nação Zumbi e etc. Sou muito fã do rock anos 80 e diversos artistas da época estão em peso na minha playlist, valendo um destaque especial para: INXS (top 3 das minhas bandas preferidas), Daryl Hall e John Oates, The Cure, Smiths e etc. Uma das minhas maiores referências como vocalista é o Michael Hutchence do INXS”.


Rafael Fiori- Guitarrista


Músicas: Heaven and hell - Black Sabbath/ O Rappa - Anjos (pra quem tem fé)


“Difícil escolher apenas 2 músicas entre as centenas que eu curto. Mas essas duas acho que representam um pouco da minha essência. Minha banda favorita como todos sabem é Black Sabbath, a fase dio foi tão épica quanto a fase Ozzy, acredito que uma completa a outra como banda. Esse som pra mim foi revolucionário, todo o arranjo e o novo estilo melódico que a banda adquiriu naquele período os consagraram mais ainda como a melhor banda de heavy metal de todos os tempos. O Rappa para mim é uma banda fantástica, estilo próprio e poesia em suas letras. Essa mistura de rock e reggae eu gosto bastante. Foi uma banda que serviu de inspiração para muita gente nos anos 90, como por exemplo Charlie Brown Jr.”


Ricardo Scaglioni- baixista


Músicas: AC/DC - Let Be There Rock/ Maneskin- Beggin'


“Todo mundo sabe que eu tenho um gosto bem peculiar quando se trata de música (risos). Eu curto todos os estilos!!! Mas duas bandas que sempre estão em minhas playlists são AC/DC e Jamiroquai (apesar de não ser rock). Tem dias que acordo e passo o dia inteiro escutando bandas como Black Sabbath, Pantera, Mudvayne, mas posso acordar e escutar bandas nacionais dos anos 90, 2000 como Skuba, Rumbora, Tihuana, tudo depende do clima, emocional, qualquer detalhe influencia. Você pode me ver escutando no mesmo dia Frank Sinatra e em seguida Beggin' do Maneskin.

Com sete canções autorais já lançadas, a banda chamou atenção do maior aplicativo de música atual, o Spotify, que inseriu três dos lançamentos em sua maior playlist autoral do segmento, a “Pátria Rock”.


O Flake Rock Inc. deu seu pontapé inicial em março de 2020 com a faixa “Textura da Lua”. Em abril, lançou “Aquelas Tardes”, primeira canção a ganhar destaque dentro da playlist do aplicativo. Com diversas composições, a banda seguiu os lançamentos com “Pandora”, “Não sei Dizer” e “Antes do Sol Sair”, as duas últimas também foram inseridas na playlist.


O apoio editorial do Spotify foi de extrema importância, fazendo com que, de junho para julho de 2020, a banda crescesse 238% em listeners dentro da plataforma.


Recentemente, o Flake lançou “Bandeira Preta”, uma crítica à polarização e aos dois lados que remam um contra o outro, deixando o barco sempre parado.

 

Informações gentilmente cedidas pior

Gabriela Gimenes