• Guilherme Moro

"Lights Out", o último testamento do Blind Pigs

Que os Porcos Cegos são uma das grandes referências do punk nacional todo mundo já sabe. O célebre grupo teve seu fim em 2016, mas, de maneira inesperada, retornam deixando o seu veredito com o álbum "Lights Out", lançado em CD, vinil 10” e nas principais plataformas digitais. “Emocionante e gratificante ver essas músicas saindo em vinil e CD depois de mais de cinco anos prontas. Traz de volta à memória toda a energia que a banda estava na época”, diz o guitarrista Gordo.

O Blind Pigs, que desde 2008 só compunha em português, revive os velhos tempos e apresenta um disco totalmente cantado em inglês. “Eu gosto mesmo é de escrever em português. Me expresso melhor na minha língua nativa, mas os discos do Blind Pigs estavam saindo no exterior, então a banda achou que seria válido escrever algumas em inglês”, conta o vocalista Henrike Baliú.


O disco traz as faixas “Restless Resistance”, “Steel Toe Judges” e “Not Dead Yet”, além dos covers “Real Enemy” (The Business), “Misguided Memories” (The Freeze), “New Generation” (Zero Boys), “God Damn Job” (The Replacements) e a faixa título “Lights Out” (Angry Samoans).

(Foto: Tinho Souza)


Claro que o lançamento “póstumo” animou os fãs ansiosos por uma possível volta. Henrike responde: “Hoje eu digo que não. Eu, o Mauro, o Galindo e o Arnaldo estamos felizes com a Armada. Sei que o Gordo está feliz também com O Preço, mas é aquela coisa, ‘nunca diga nunca’”.


“Lights Out” é uma parceria das gravadoras Hearts Bleed Blue (HBB), Neves Records e Detona Records.


(Arte: Paulo Rocker / Foto de capa: Rafael Cusato)