top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Festival MADA anuncia Xande de Pilares cantando Caetano Veloso

A responsabilidade de honrar os maiores artistas do Brasil somada ao compromisso de incluir a cidade de Natal na história de shows mais memoráveis do país fez com que o Festival Mada - Música Alimento da Alma chegasse a sua 26ª edição com o mais alto quilate do samba na programação.



Iluminando o estádio Arena das Dunas, Xande de Pilares acaba de ser anunciado no primeiro dia do evento, que acontece entre 18 e 19 de outubro, com a apresentação de Xande Canta Caetano, o “Melhor Álbum do Ano” de 2023 pelo Prêmio Multishow. Nomes como Pitty, Djonga, FBC, Fresno, Ebony, Ana Frango Elétrico, BaianaSystem e Duquesa também fazem parte do line-up do festival, com ingressos já à venda.


Este será o primeiro show do renomado projeto de Xande em Natal e o segundo no Nordeste, após a estreia em Salvador, em junho deste ano. Quando lançou o registro fonográfico, em agosto de 2023, o artista alcançou o marco de nona maior estreia global no Spotify e sua versão de “Muito Romântico” ganhou o título de “Samba e Pagode do Ano”, também pelo Prêmio Multishow. 


Xande canta Caetano é a fusão do que há de mais brasileiro na música: transferir canções para outros estilos mais populares. O samba está enraizado na cultura nacional e esse álbum foi um dos maiores acertos artísticos dos últimos anos. Já tive o privilégio de ver esse show e consigo afirmar que ficará na história da música nacional. É quase um culto! Impossível perder”, disse Rafael Otati, head de conteúdo do Festival Mada.


O disco segue como sucesso de público, com mais de dois milhões de visualizações na faixa “Muito Romântico” e mais de um milhão de visualizações em “Gente”, ambas no canal de YouTube do cantor. A luz da obra popular de Caetano entoada pelo vocalista de pagode quebrou qualquer muro que houvesse entre o gênero e a MPB e repaginou os sucessos do veterano em uma celebração de brasilidade.


“Acredito que já está claro para o público que o Mada, hoje, é um evento de comemoração da música que nos alimenta e toda a sua diversidade. Neste ano, receberemos esse excelente show, abrindo as portas para todos fazerem parte dessa festa. Temos certeza de que será um momento lindo na história do festival”, afirmou Pedro Barreira, diretor artístico do Mada.


Tamanho sucesso é fruto de uma potente voz aliada à sofisticação dos arranjos de Pretinho da Serrinha, que também assina a direção artística do show. No repertório, o cantor apresentará clássicos como “Luz do Sol”, “Tigresa”, “Lua de São Jorge”, “Alegria, Alegria” e mais.

Comments


bottom of page