top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Festival Internacional de Piano do Rio de Janeiro anuncia vencedores de sua terceira edição

O pianista italiano Gabriele Strata é o grande vencedor da 3ª edição do Festival Internacional de Piano do Rio de Janeiro. O jovem músico, de 24 anos, conquistou o primeiro lugar na renomada competição, além do prêmio do público que lotou a Sala Cecília Meireles no último sábado, 28 de outubro. Ao lado da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB) e sob a regência do maestro Roberto Tibiriçá, Strata interpretou o “Concerto nº 1 em si bemol menor”, composição em três movimentos de Piotr Tchaikovsky.



Com direção artística da pianista Lilian Barreto, a 3ª edição do Festival Internacional de Piano do Rio Janeiro tem patrocínio master do Instituto Cultural Vale e das Transmissoras Guaraciaba e Paranaíba. Para escolher o grande vencedor, o festival contou com um júri formado por oito renomados pianistas: Akiko Ebi (Japão), presidente do júri; Álvaro Teixeira Lopes (Portugal), Cristian Budu (Brasil), Jan Jiracekvon Arnim (Alemanha), Keng Zhou (China), Linda Bustani (Brasil) e Roberto Tibiriçá (Brasil).

O segundo lugar ficou com o espanhol Leo de María, de 27 anos, com o “Concerto em nº 3 em Dó maior”, de Serguei Prokofiev. A pianista canadense Élisabeth Pion, também de 27 anos, ficou com o terceiro prêmio ao executar, ao lado da OSB, o “Concerto nº 3 em ré menor”, de Sergei Rachmaninoff. O prêmio Nelson Freire, concedido pelo júri para o melhor pianista brasileiro, foi dividido entre o gaúcho Ervino Rieger, de 24 anos, e o catarinense Vitor Zendron, de 26 anos.

A premiação somou R$ 120 mil – sendo R$ 60 mil (1º lugar), R$ 30 mil (2º lugar), R$ 15 mil (3º lugar), R$ 10 mil (Prêmio Nelson Freire ao Melhor Pianista Brasileiro) e R$ 5 mil (Prêmio do Público).


Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page