top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Festival celebra 50 anos do Hip Hop com DJ KL Jay entre as atrações

A produtora cultural Jade Lyrio e o pesquisador em danças urbanas e negras Eduardo Dialético chegam com mais uma edição do "Nas Batalhas". O festival, que acontece no dia 13 de agosto, das 10h às 18h, no Sesc Belenzinho, tem como propósito proporcionar um espaço acolhedor e democrático. Desta vez, celebrando os 50 anos de resistência da cultura hip hop.


Durante a programação, completamente gratuita, artistas de dança, com destaque para identidades afrodescendentes, indígenas e suas diversidades, comandam a festa.


Para começar, a partir das 10h, o público pode participar da vivência aberta com Edson Guiu. Em seguida, às 11h30, haverá uma cypher livre com o grupo SP House.


Um pouco depois, às 12h30, o início das batalhas de dança. Os MCs Félix Pimenta, Jô Gomes e Gisoul conduzirão as competições que irão contar com as categorias "Masculinidades Diversas", "Mulheres Plurais", pessoas "Trans" e LGBTQIAPN+. O júri será composto pelo já citado Édson Guiu, Chicano, Wallison Culu, Drica e Zaila. As inscrições podem ser feitas no link disponibilizado na bio do @nas_batalhas.


O encerramento do evento será às 17h, com a discotecagem do DJ KL Jay, proporcionando um momento de celebração e descontração para todos os presentes.


No repertório, ritmos como o Funky, P-Funk, Gangsta Funk, Crunk, Break Breat, Gangsta Rap, Rap Underground, Rap Nacional, Disco Music, House Music, Disco House, ElectroFunk, entre outros


“A cultura Hip Hop nasceu nos guetos, nas periferias e vem tornando-se uma grande potência, mas, junto desse crescimento, os principais fundamentos estão sofrendo com o apagamento, assim como as pessoas que resistiram pra que essa cultura se tornassea força que é. Precisamos lembrar que o movimento Hip Hop foi formado por pessoas periféricas negras que mostraram nossa inteligência ancestral diante dos apagamentos sistêmicos dos nossos corpos”, ressaltam os idealizadores.


Após o sucesso do "Nas Batalhas", Jade Lyrio e Eduardo Dialético estão se dedicando ao projeto "Na Beira do Território", que busca dar visibilidade a outros projetos que necessitam de apoio cultural.


Comments


bottom of page