• Guilherme Moro

Elza Soares morre aos 91 anos

Faleceu nesta quinta-feira (20), no Rio de Janeiro, aos 91 anos, a lendária cantora e compositora, Elza Soares. A morte foi confirmada pela assessoria da cantora, que emitiu uma nota oficial:


"É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais".
"Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milênio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação".
"A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares fãs por todo mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou até o fim".

O corpo da cantora será sepultado no Jardim da Saudade Sulacap, na tarde de sexta-feira (21), depois do velório no Theatro Municipal do Rio.


Em entrevista ao G1, Pedro Loureiro, empresário da cantora, afirmou que a morte da artista foi tranquila e sem traumas:


"Foi uma morte tranquila, sem traumas, sem motivo. Morreu de causas naturais. Esse, aliás, era um grande medo dela: ter uma morte sofrida, por doença. Hoje, ela simplesmente desligou".

Elza foi uma das principais artistas da história da música brasileira. Ela nasceu em uma família muito humilde, composta por dez irmãos, na favela da Moça Bonita, atualmente Vila Vintém, no bairro de Padre Miguel. Ainda pequena mudou-se para um cortiço no bairro da Água Santa, onde foi criada.