top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Dupla paulistana LA&RR estreia com o single Afundo

Após alguns shows na capital paulista e uma campanha de financiamento coletivo bem-sucedida, a dupla de indie-rock-MPB tragicômica Luiz Amargo & Ricardo Resto, ou LA&RR, lança, enfim, seu primeiro single. Afundo estará disponível nas plataformas digitais na próxima quinta-feira, dia 17 de agosto. Primeira faixa a ser lançada do EP de estreia do duo, Engano Chegando, a música traça uma relação entre amores tortos e os prédios da orla de Santos (SP) de maneira provocadora e divertida.



Afundo é uma canção deliciosamente frenética e bastante dinâmica. Com influências de Azymuth, Arrigo Barnabé, Ana Frango Elétrico e King Krule, a composição, de autoria da dupla, tem elementos de indie rock, disco music, new wave, jazz e MPB, “combinando a rítmica torta de um piano que tateia pelo estilo de Marcos Valle com uma cozinha que segue os passos dos arranjos dos Titãs”, afirmam os músicos. O arranjo faz jus às reflexões um tanto inusitadas que a música faz: O que cê chama de afundar eu chamo de nadar / O que cê chama de dançar eu chamo de equilibrar / Nosso namoro maremoto naufraga pra brotar / O que cê chama de afundar é o mar.


A canção se inspira na praia de Santos para traçar um paralelo entre um romance decadente e os prédios da orla da cidade: “Construídos sobre terreno arenoso, os edifícios santistas são conhecidos por estarem lentamente afundando na areia por causa das suas fundações estruturadas em terreno impróprio. O avançar dos anos (e das marés) atualmente colocam em risco seus habitantes - que lá residem até hoje. Tendo como plano de fundo a situação urbanística que caminha para uma tragédia, a letra investiga a intimidade de amantes num relacionamento fadado ao naufrágio”, explicam Amargo e Resto.



Luiz Amargo & Ricardo Resto são amigos de longa data, desde quando eram estagiários em produtoras de audiovisual. Logo a amizade se estendeu para uma parceria musical, e desde 2019 a dupla compõe canções “ora irônicas, ora histriônicas, às vezes neuróticas, mas sempre dançantes” que narram causos de jovens adultos neuróticos e urbanóides que tentam rir da própria desgraça. LA&RR já tocaram em casas de shows importantes da cena independente paulistana, como FFFront, Picles Cardeal e Quintal Hostel.




A gravação conta ainda com participação de Gui Fuentes (bateria), Luciano Lucinari (baixo), Marina Marchi (vocal de apoio) e Danilo Moura (percussão). A produção e a mixagem são de Gabriel Assad e a masterização de Mauricio de Caro Esposito. Afundo foi gravada no Sinestesia, sendo o primeiro projeto produzido pelo estúdio. A faixa também ganhou um clipe, que será lançado em breve.

bottom of page