top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Alerta: confira maneiras de se previnir de golpes on-line na hora de comprar ingressos para shows

Com a volta dos eventos presenciais, muitos artistas retomaram sua agenda de shows pelo mundo, o que alavancou a venda de ingressos nas plataformas digitais. Porém, antes do cadastramento do cartão em um site para venda de ingressos, é importante ter a certeza de que aquela página é oficial e não uma cópia fraudulenta, uma vez que criminosos utilizam essa técnica para coletar dados sensíveis. Para evitar vítima desse tipo de ataque, a Kaspersky oferece algumas dicas de cibersegurança na hora de oferecer seus dados para esse tipo de compra on-line.

Como os cartões de crédito ou débito ainda são o principal meio de pagamento no Brasil, também acabam sendo o principal alvo de cibercrimes: um estudo da Kaspersky aponta que cerca de 20% dos brasileiros tiveram o cartão de crédito utilizados por terceiros sem o seu conhecimento. Ao entrar em um site para fazer uma compra on-line, na pressa e no calor do momento para adquirir um ingresso, muitas pessoas não se atentam antes de inserir suas credenciais: esse site é confiável? Como a procura para participar desses eventos é alta, principalmente quando se trata de artistas de relevância internacional em primeira turnê na região – como Taylor Swift que–, muitas vítimas são tomadas pela ansiedade da compra, sem tomar cuidado com os próprios dados e onde eles podem estar sendo cadastrados. É comum que réplicas de sites sejam criados por cibercriminosos, anunciados em plataformas como o Instagram, justamente para confundir compradores a disponibilizarem seus dados pessoais e o número do cartão de crédito. O foco de muitos golpistas é roubar as informações cadastradas para utilizá-las indevidamente, por exemplo, filtrando-as ou vendendo-as para outros criminosos, além de usarem o cartão de crédito para compras fraudulentas, além de outros tipos de golpes. Quando os ingressos do site oficial esgotam, outro problema é a venda realizada por cambistas: ingressos com preços elevados são anunciados por outros sites ou redes sociais, mas deve-se tomar ainda mais cuidado ao lidar com outro desconhecido. Em diversos casos, a pessoa também pode ser um golpista e exigir o pagamento, porém não possui ingresso algum ou pior, entregará uma falsificação que não será aceita no show. "A popularidade desses eventos não permeia apenas os usuários, mas também o cibercrime que se aproveita da euforia dos fãs para conseguir seus ingressos para roubar suas informações bancárias. É por isso que proteger seus dados é uma tarefa primordial. Passos simples, como não compartilhar seus números de cartão ou códigos de segurança com terceiros, bem como verificar os sites ou aplicativos onde essas informações são inseridas, podem ajudá-los a evitar serem vítimas de fraudes e outros prejuízos", afirma Fabio Assolini, diretor de Análise e Pesquisa para a América Latina da Kaspersky. Os especialistas da Kaspersky compartilham as seguintes dicas para proteger seus cartões em compras on-line:

  • Antes de registrar seus dados e comprar, verifique se você está entrando em sites oficiais. Você pode identificá-los com certos mecanismos de segurança: o site não deve haver erros ortográficos ou imagens de baixa qualidade – se você ainda está na dúvida, digite a URL manualmente pelo navegador, dessa forma você cai direto na página desejada.


  • Se você acha uma oferta de ingressos online boa demais, provavelmente não é verdade. Se uma oferta é muito atraente por causa de seu baixo custo e fácil acessibilidade, pode ser um golpe que envolve o roubo de seu dinheiro e informações bancárias.


  • Evite a compra de ingressos em terceira mão. Na ansiedade para ver seu artista favorito, acaba sendo comum a compra por cambistas. Evite essa prática pois ela também pode vir como um golpe, fazendo você gastar dinheiro sem receber o ingresso verdadeiro.


  • Peça ajuda ao seu banco para fornecer ferramentas de segurança. Por exemplo, para enviar mensagens de qualquer movimento em suas contas para identificar transações desconhecidas ou ativar cartões digitais que têm um PIN temporário que muda a cada compra.


  • Evite deixar seus cartões bancários cadastrados em sites ou aplicativos de compras. Sempre insira os dados no momento do pagamento, se você quiser facilitar a compra, os gerenciadores de senhas também podem armazenar com segurança os dados do seu cartão, inserindo-os automaticamente no site. Também é altamente recomendado o uso de cartões virtuais na hora da compra.


  • Não compartilhe fotos, códigos QR ou outros detalhes de seus ingressos. Isso representa um risco, pois outras pessoas podem roubar suas informações de login e invalidar seus ingressos.


  • Tem uma proteção de cibersegurança. Uma solução como o Kaspersky Premium protege os seus dados pessoais, pagamentos online, ligações não autorizadas a outros dispositivos, bem como protege a sua identidade.

Comments


bottom of page