top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Rico Dalasam faz noite de spoiler do seu novo disco, Escuro Brilhante

"Relembrar o brilho, às vezes, é conseguir acessar na memória as coisas boas, os dias bons das coisas". Esse é o exercício que Rico Dalasam teve como vivência e que se tornou parte do processo criativo para o seu terceiro disco. Intitulado Escuro Brilhante, o álbum tem lançamento marcado para o segundo semestre de 2023, mas, antes, o rapper divide o novo repertório (e o que foi esse movimento de reviver as próprias glórias) em um encontro com o público, no dia 21 de julho, na Audio, em São Paulo (venda de ingressos aqui). O show conta com a participação de Luedji Luna, Paulete Lindacelva e Bia Bless.



“Essa história tem sido um grande exercício que me faz relembrar tudo que já aconteceu. Quando eu lancei Dolores Dala Guardião do Alívio (2021), ele me proporcionou chegar em um lugar de possibilidades como, por exemplo, a realização da minha própria turnê, cantar em festivais e poder criar o Escuro Brilhante”, compartilha Rico.


Agora, o artista se prepara para esse novo passo fonográfico, que conclui a trilogia composta por Dolores Dala Guardião do Alívio (2021) e Fim das Tentativas (2022). No dia 21 de julho, na Audio, em São Paulo, a passagem entre o “Encontro DDGA” - antiga turnê do Rico - e a “Noite do Escuro Brilhante” da spoiler das novas músicas do álbum e faixas que se fizeram presentes na carreira de Rico, como “Braille”, “30 semanas” e “Guia de um amor cego”. No show, que tem direção musical assinada por Dinho Souza, também responsável pelo live eletronics e teclado, o rapper sobe ao palco acompanhado por Mariana Lima (guitarra e violão), Flávia Mello e Yasmin Oli (backing vocals).

bottom of page