top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Pedro Madeira flerta o pop com jazz em composição com Bruno Gouveia

Pedro Madeira chega ao segundo single. Descoberto por Bruno Gouveia , cantor do Biquini, o carioca de Santa Cruz de voz aveludada lançou seu primeiro trabalho “Chuva” discretamente em Novembro.


Pelo fato de Portugal também ter um cantor com o mesmo nome, ele acabou entrando acidentalmente nas playlists daquele país. E o que era para ser um erro se tornou um grande sucesso. “Chuva” caiu no gosto dos portugueses e teve altíssima rotação nas playlists europeias e luso-africanas.

Pedro, fã da cantora Iza, também participou do prêmio Multishow do ano passado representando-a na cerimonia de entrega. Afinal, foi num show dela que, ao ser lhe oferecido o microfone, ele cantou e encantou os fãs e a cantora. O vídeo viralizou nas redes.

De volta ao estúdio no final de Novembro, novamente com a co-produção de Raul Dias e Bruno Gouveia, os mesmos de Chuva, Pedro mergulhou em seu segundo trabalho que chega agora sob o título de Pássaros, uma canção autoral que acabou virando uma parceria com o próprio Bruno Gouveia.



“Pedro é muito competente com as palavras e ideias a transmitir mas as sugestões que trocamos deram uma nova cara à música e daí nasceu esta parceria”- explica o roqueiro.

Bruno também chamou dois amigos para a gravação. Miguel Flores da Cunha, tecladista do Biquini, no arranjo de cordas e Iramy Piola solando no trompete com surdina - que fez canção flertar o pop de Pedro com o jazz.

E isso é apenas o começo, pois enquanto você lê estas linhas, Pedro já está cuidando do próximo lançamento, novamente mergulhado no estúdio. É questão de tempo para que as pessoas descubram o talento dele. Como os pássaros, Pedro está livre para voar.

Comments


bottom of page