top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Paula Santoro lança single unindo Brasil e Áfricacom participação de João Bosco

A música “Sassaô” é o segundo single do novo álbum da cantora mineira Paula Santoro chamado “Sumaúma”, que será lançado dia 09/02 em todas as plataformas digitais.


“Sassaô” foi escolhida para o álbum após o produtor musical - Rafael Vernet - e a cantora ouvirem dezenas de canções de João Bosco. Inclusive, esta tem letra e música dele - coisa rara na sua obra.

O arranjo de Rafael trouxe um groove mais africano, bem diferente do original. E a música foi se transformando no estúdio, com a participação de João e de grandes músicos: Rafael Vernet (arranjo, piano e Fender Rhodes), Guto Wirtti (baixo) e Armando Marçal (percussão).




A canção faz uma homenagem à vanguardista Chiquinha Gonzaga quando cita: “me dano porque corto a jaca na banda”, pois o “corta-jaca” foi considerado obsceno, na época.

“Foi uma alegria imensa gravar “Sassaô” e ainda contar com a participação especial do João Bosco (sonho antigo). Sou muito fã dele! E os músicos - que são geniais - fizeram uma base incrível e muito suingada. Brasil e África no mesmo som!", conta Paula Santoro.

O primeiro single “Yê Melê” (Luis Carlos Vinhas e Chico Feitosa) - tema afro que já foi gravado por Sérgio Mendes, Elis e Bethânia nos anos 60, já está disponível em todas as plataformas.

Em ‘Sumaúma’, Paula Santoro dá voz tanto a canções leves e solares como também a outras densas e profundas. O álbum tem participação de compositores como Arthur Verocai, e João Donato e recria, de forma contemporânea, a sonoridade dos anos 70.

Paula Santoro nasceu em Belo Horizonte. Ela traz suas raízes em sua música, que tem grande influência do Clube da Esquina. Além dos seis álbuns solo já lançados, sua discografia inclui colaborações em gravações de Guinga, Arthur Verocai, Mário Adnet (álbum indicado ao Grammy Latino), Bianca Gismonti, Eduardo Neves e outros.



bottom of page