top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Gene Simmons é confirmado como atração do Summer Breeze

A GSB (Gene Simmons Band) conta com Simmons (baixo e vocal), os guitarristas e vocalistas Brent Woods (Wildside, Sebastian Bach e Vince Neil) e Zach Throne (Corey Taylor) e o baterista Brian Tichy (Lynch Mob, The Dead Daisies, Whitesnake, Billy Idol, Foreigner, Pride & Glory, Slash's Snakepit e outros). A apresentação da GSB está agendada para a sexta-feira, 26 de abril e será headliner show do primeiro dia de festival.



Com isso, a produção transferiu o Mercyful Fate para fazer o encerramento do festival no domingo, 28 de abril. "Com a entrada da Gene Simmons Band, o ajuste se faz necessário para uma melhor adequação da grade completa do festival. Com isso, o Mercyful Fate se apresentará no domingo (28). Sendo assim, quem adquiriu ingressos para sexta-feira por causa do Mercyful Fate poderá efetuar a troca através da Clube do Ingresso, quem comprou o pass ou os ingressos sem data marcada não precisa se preocupar”, comenta Claudio Vicentin, CEO do Summer Breeze Brasil.


Gene faz o vocal principal de vários clássicos e de músicas cultuadas pelos fãs de Kiss, como "Rock and Roll All Nite", "God of Thunder", "I Love It Loud", "Deuce", "Calling Dr. Love", "Unholy", "Cold Gin", "Naked City", "A World Without Heroes", "War Machine", "Killer", "Not for the Innocent", "Young and Wasted", "Thief in the Night", "Domino" e outras. O impacto do Kiss na música e na cultura pop ainda é sentido e Simmons continua sendo uma figura proeminente no rock'n'roll.


Além disso, como um bônus a produção confirmou no cast a inclusão da banda americana de thrash/heavy metal Flotsam and Jetsam, que virá pela primeira vez ao Brasil. A banda foi formada em 1981 e a formação que gravou o cultuado debut, "Doomsday for the Deceiver" (1986), incluía Eric "A.K." Knutson (vocal), Michael Gilbert e Edward Carlson (guitarras), Jason Newsted (baixo) e Kelly David-Smith (bateria).


Pouco antes do lançamento, Newsted se juntou ao Metallica, onde ocupou o posto do saudoso Cliff Burton e ficou mundialmente famoso. Apesar de não ter alcançado o mesmo nível de sucesso comercial que algumas de suas contemporâneas, o Flotsam and Jetsam continuou a lançar álbuns regularmente. O grupo obteve destaque com "No Place for Disgrace" (1988), "Cuatro" (1992) e, mais recentemente, por álbuns como "Ugly Noise" (2012) ou os que buscaram resgatar mais as raízes heavy/thrash, como "Flotsam and Jetsam" (2016), "The End of Chaos" (2019) e "Blood in the Water" (2021).

bottom of page