• Guilherme Moro

Fish Ventura flerta com as brasilidades em single que une reggae e rock

A morte, acontecimento recorrente na pandemia, inspirou o duo Fish Ventura na canção “Severina Califórnia”, seu novo single. No entanto, apesar do assunto parecer pesado, a letra traz o contrário: a leveza, e um lado mais bonito a respeito, ao colocar o personagem em uma posição de lembranças e gratidão pela vida que viveu.


“Esta letra foi criada durante a pandemia, na qual convivemos tão perto de um assunto tão sensível que é esse, então tentamos trazer ela como uma passagem, como algo belo, que não temos como escapar, algo esperado, e que se certa forma está sempre muito próximo.”, explica Robson Black, que encabeça o projeto ao lado de Lucas Turski.


Foto: Junior Somensi/Divulgação

Musicalmente, “Severina Califórnia” é um reggae rock, que flerta com várias influências da música brasileira, e incorpora o eletrônico, já que a produção musical é assinada pelo renomado músico Dj Chernobyl, que já vem, há algum tempo, colaborando com as músicas do Fish Ventura.


O arranjo revela, pela segunda vez, a viola caipira, algo inusitado, se tratando de reggae e rock. Contudo, segundo eles, a ideia é justamente para fortalecer a brasilidade da música, que também é acompanhada pelo trompete, trombone, bateria, guitarra e baixo.



O lançamento é independente, o 16º da carreira, e marca a entrada da baterista Dani Citadin e Gabi Mafra no projeto. “Severina Califórnia” já está disponível em todas as plataformas de streaming, e na versão ao vivo, lançada originalmente em maio deste ano.