• Guilherme Moro

Festival MNFST estreia na Marina da Glória com Âme, Dixon, Eli Iwasa e mais

No dia 26 de novembro a Marina da Glória, no Rio de Janeiro, receberá a primeira edição do festival MNSFT (pronuncia-se Manifest). O projeto, dedicado à música eletrônica, é o novo produto da Dream Factory, uma das principais empresas de entretenimento do país. A partir deste lançamento, o evento entrará para o calendário anual de iniciativas culturais da Cidade Maravilhosa.



O festival contará com apresentações de várias atrações nacionais e internacionais, para um público estimado de 3 mil pessoas. Indo além da música, o MNFST chega para propor uma nova e mais consciente forma de consumir entretenimento, tendo a música eletrônica como o fio condutor dessa experiência, alinhados com conceitos de arte e sustentabilidade. O evento está programado para começar às 16h e terminar às 04h do dia seguinte, tendo ao fundo a vista para a Baía de Guanabara.

A curadoria musical do MNFST é realizada por Claudio da Rocha Miranda Filho, produtor e empreendedor com mais de 20 anos de experiência na produção de eventos de música eletrônica. Criador do Rio Music Conference e do Rio Music Carnival, desde 2019 é o Diretor Artístico do Palco New Dance Order do Rock in Rio, voltado para música eletrônica. Planejado para ser diferente de tudo o que acontece nos eventos de música eletrônica no Rio de Janeiro, o line-up do MNFST traz o conceito B2B (“Back to Back”), no qual em cada espaço de tempo previsto para as apresentações ao vivo, acontecerão grandes encontros entre DJs. Em paralelo, no segundo palco, a programação musical estará sob a responsabilidade de conceituadas festas, selos e coletivos dedicados à música eletrônica, que também dividirão este palco ao longo das 12 horas.

Buscamos uma distinção ao apresentar um formato inédito no universo de festivais de música eletrônica no país. Musicalmente, os b2b dão luz a novas possibilidades, estéticas, crossovers de culturas e visões de pista. A provocação é para o diálogo - tão necessário na sociedade, para a resolução de problemas, principalmente em tempos polarizados como hoje.”, afirma Claudio.


Entre os destaques da programação estão confirmados encontros de renomados nomes da cena nacional e internacional eletrônica como os DJs Âme e Dixon, as DJs Eli Iwasa e Due, os DJs Davis e Vermelho, além dos DJs Antdot e Maz, que, pela primeira vez no Rio de Janeiro, prometem criar momentos inesquecíveis com um set reunindo músicas inéditas e o hit “Todo Homem”, a colaboração que conquistou o Top #1 Organic House no Beatport em menos de 1 semana de lançamento. Confira aqui a programação completa.

O projeto MNFST é uma intervenção na capacidade criativa do Rio de Janeiro e um estímulo para promover de diversas formas a música eletrônica. Além disso, é uma maneira assertiva para dialogar com um público-alvo precioso e qualificado. Vale lembrar também a oportunidade de reunir e construir um diálogo direto com a comunidade da música eletrônica como um todo -- desde DJs até os selos e gravadoras”, ressalta Claudio Romano, CEO da Dream Factory.

Dando continuidade a experiência, em fevereiro de 2023, uma versão reduzida do MNFST, acontecerá na cidade de Niterói, em local aberto, com ingressos gratuitos. Neste evento, estão previstas as apresentações de duas atrações musicais. O evento está programado para acontecer das 16h às 22h.

Posts recentes

Ver tudo