top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

“Entretempo”: EP de estreia de Raphael Belchior tem participação de Yohan Kisser e Johnny Monster

Lançado nesta sexta-feira (29), “Entretempo”, o primeiro EP do cantor e compositor Raphael Belchior carrega influências de George Harrison e Fito Paez. Com seis faixas, produção de Michel Kuaker e masterização de Carlos Trilha, o EP conta com as participações de Yohan Kisser em “Peixes Barulhentos”, e Johnny Monster e Bianca Godoi em “Quando Eu Voltar A Ser Criança”.


Foto: Divulgação

“Entretempo” explora as diversas estações da vida e, de acordo com Raphael Belchior, cada faixa é uma jornada musical que nos leva por momentos de crescimento, mudanças e autodescoberta. “Como as estações do ano, nossas vidas passam por ciclos de renovação, e a música nos acompanha em cada fase. ‘Peixes Barulhentos’ faz alusão à filosofia oriental, que significa coragem e resistência, e nos convida a abraçar essas mudanças com bravura. ‘Entretempo’ é um lembrete de que, assim como a natureza muda com as estações, também evoluímos e crescemos ao longo do tempo. Cada faixa representa uma estação única em nossa jornada pessoal, desde a renovação da primavera até a reflexão do inverno, celebrando todas as fases que moldam quem somos”.

A música escolhida por Belchior para a divulgação do EP, foi “Dias Estranhos”, composta em parceria com Ronaldo Damatta, uma canção de esperança, sobre a importância de procurar novos caminhos e seguir em frente. “É sobre não se deixar levar pelos dias ruins. A letra é inspirada na canção ‘Saída de Emergência do Johnny Monster e a influência sonora vem da canção ‘Mariposa Tecnicolor’ de Fito Paez. O clima psicodélico no final é influenciado pelo The Doors”.

bottom of page