• Guilherme Moro

Em primeiro single da carreira, banda Casa Civil traz reflexões importantes

Já está disponível nas principais plataformas digitais, “É Goll”, o primeiro lançamento da banda Casa Civil. A faixa foi produzida por Philippe Seabra da Plebe Rude e reflete sobre o poder que o futebol tem diante de decisões políticas.



Em período pré-eleitoral, é muito importante que se aborde um assunto como esse, como diz o guitarrista Bruno Santana.


"Acredito ser uma ‘coincidência’ recorrente, as eleições brasileiras acontecerem em ano de Copa do Mundo. Isso cria uma cortina de fumaça que é gerada por nossa maior paixão, num momento em que decisões políticas importantes precisam ser tomadas. Enquanto as mazelas e erros seguem persistentes, um amor inebriante culmina com o grito de Gollll ! Uma catarse coletiva que parece se sobrepor a todas as dificuldades e retrocessos’, explica.




Além de Bruno Santana, a Casa Civil é composta por Léo Ciotti (baixo e voz) e Eltin Rodrigues (bateria). A banda prepara o álbum de estreia, “Deserto”, previsto para este ano, e conta com o agenciamento do lendário empresário Cacá Prates, que já foi responsável pela carreira de diversas bandas como Ultraje a Rigor, 14 Bis, Camisa de Vênus e muitas outras.