• Guilherme Moro

Conheça os 8 restaurantes que estarão no Rock In Rio para você aproveitar

Um dos grandes destaques do Rock in Rio ao longo dos anos, a área de gastronomia do festival chega em 2022 com novidades. Na edição do reencontro, o Gourmet Square, que conta com o copatrocínio do iFood e da Heineken -- que participa com a marca Eisebahn --, será composta por oito restaurantes badalados do Rio de Janeiro: Push Dog, Curadoria, Arabad’s, Let’ Sushi, Ella, Secreto, Vítor Sobral e Heaven by Heaven Delhaye.



No Gourmet Square serão muitas opções para degustar e recarregar as energias, como: os cachorros-quentes do Push Dog, do chef Pedro Siqueira; os pratos do chef Diogo Oliveira do Curadoria; as deliciosas esfihas do Arabad’s da chef Helena Brito; a comida japonesa do Let’ Sushi de Fábio Minato; as pizzas da Ella que são sucesso no Rio, feitas pelo chef Pedro Siqueira; e a cozinha afetiva do Secreto do chef Philipe Reis; os destaques do chef português Vítor Sobral; e a badalada chef Heaven Delhaye.

Point do público nas edições de 2017 e 2019 do Rock in Rio, o Gourmet Square é um espaço totalmente dedicado à alimentação no festival. A área com 2mil metros quadrados tem capacidade para 2.700 pessoas, ambiente climatizado e, um total de oito marcas, que além de dois bares com chopes Eisebahn contará com uma ativação da marca iFood. O funcionamento segue do momento da abertura dos portões da Cidade do Rock, às 14h, até as 3h da madrugada.

Sobre o Rock in Rio

O Rock in Rio foi criado para dar voz a uma geração e promover experiências únicas e inovadoras. Em 1985, o evento foi responsável por colocar o Brasil na rota de shows internacionais. Batendo recordes de público a cada edição e gerando impactos positivos nos países onde é realizado, se consagrou como o maior festival de música e entretenimento do mundo. Consciente do poder disseminador da marca, hoje o Rock in Rio pauta-se por ser um evento com o propósito de construir um mundo melhor para pessoas mais felizes, confiantes e empáticas num planeta mais saudável.



A internacionalização da marca começou por Portugal, Lisboa, em 2004, onde o evento acontece até hoje, seguido por Espanha (Madri) e pelos Estados Unidos (Las Vegas). No Rock in Rio, os números não param de crescer. Pelas Cidades do Rock já passaram mais de 10 milhões de visitantes nestas 21 edições. Em 37 anos, o festival ganhou o mundo e tornou-se um verdadeiro parque de experiências, mas muito além disso, cresceu e ampliou a sua atuação, sempre com o olhar no futuro.

Adotando e incentivando práticas que apoiam o coletivo, o Rock in Rio preza pela construção de um mundo melhor e se une a empresas que possuem este mesmo olhar e diretriz. Em 2013, foi reconhecido por seu poder realizador ao receber a certificação da norma ISO 20121 - Eventos Sustentáveis. Desde a primeira edição, já gerou 237 mil empregos diretos e indiretos e investiu, junto com seus parceiros, mais de R$ 110 milhões em diferentes projetos, passando por temas como sustentabilidade, educação, música, florestas, entre outros.

Posts recentes

Ver tudo