top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Chitãozinho e Xororó fazem show histórico em Barretos e são reverenciados pelo público

Considerada uma das maiores duplas da música sertaneja no Brasil, Chitãozinho e Xororó apresentaram um verdadeiro espetáculo na arena do peão em Barretos na noite do último sábado, dia 26.



Celebrando 50 anos de carreira, os reis do sertanejo encantaram a plateia com sucessos que marcaram gerações ao apresentar o show especial criado para o audiovisual “Por todos os tempos”, gravado em Nova Iorque e que homenageia as cinco décadas da dupla. A apresentação foi a mais esperada durante toda a festa.


"Alô, Barretos, boa noite, que prazer voltar aqui, ver vocês de perto, que multidão, que coisa maravilhosa, ver vocês aqui. Sejam bem-vindos ao nosso show", disse Chitãozinho. "É sempre um grande prazer para a gente voltar aqui, ver a moçada do chapéu, quem tá de chapéu levanta e balança. Nós fizemos esse show em Nova York e é o mesmo show que vamos fazer para vocês. É muita música apaixonada", completou Xororó


As boas-vindas foi o convite para o público se divertir com o repertório de sucesso, acompanhado em coro do começo ao fim do espetáculo. Hits como “Saudade da Minha Terra", "60 dias apaixonado", “No Rancho Fundo”, “Coração Sertanejo", "A Majestade, o sabiá" e “Galopeira”, clássicos da música sertaneja, foram algumas das canções que ecoaram por todo o estádio. A dupla apresentou ainda “Sinônimos”, que atualmente é abertura da novela das 9 da TV Globo “Terra e Paixão” em parceria com Ana Castela.


Diferente dos shows tradicionais de Chitãozinho e Xororó, a dupla surpreendeu a todos em "Alô", quando convidaram Edson, da dupla com Hudson, para uma participação especial. Em seguida, Maurício e Mauri, irmãos da dupla, cantaram com eles "O Sistema é Bruto", "Nascemos para cantar" e "Bailão de Peão", marcando um encontro histórico no palco.

Comments


bottom of page