• Guilherme Moro

Cantora e compositora Nayara Portela lança “Indireta”, pop indie sobre relacionamentos tóxicos

Grande revelação da cena de música brasileira independente atual, a cantora, pianista e compositora goiana, radicada em Brasília, Nayara Portela lança no dia 15 de outubro, em todas as plataformas digitais, sua mais nova música de trabalho, o single “Indireta”. O novo projeto tem como inspiração as experiências da artista com relacionamentos tóxicos. Nayara é dona de uma voz doce e com mais de cinco anos de carreira, possui um trabalho versátil e cheio de autenticidade, que passeia por 6 álbuns e 7 singles já lançados em uma frenética produção. Nos últimos anos, têm se destacado com um som mais pop contemporâneo que dialoga com o trabalho de grandes artistas da cena atual como Duda Beat, Letrux, Clarice Falcão, Céu, Ana Vitória e Tiago Iorc.


Seu trabalho musical engloba desde a bossa nova, samba, xote, axé ao pop com batidas eletrônicas. Dessa vez, em “Indireta”, ela abraça o piseiro, gênero que tem feito bastante sucesso no país no último ano, e mescla com a música pop eletrônica. Sobre a concepção, Nayara explica que “Indireta” é uma canção que todo mundo irá se identificar: “Afinal, quem já não teve uma pessoa falsa, tóxica na vida?”, conta.


Foto: Itamar de Souza

A artista enfatiza que “Indireta” dialoga com sentimentos que todos temos enfrentado, principalmente neste tempo de pandemia, como medo, ansiedade, angústia, tristeza, entre outros. “Indireta é um presente, ela veio toda pronta, letra e melodia e harmonia apareceram em minha mente de uma vez só. Semanas antes de compor eu estava em um mix de sentimentos à flor da pele, a ponto de uma crise emocional, me desliguei de tudo por uma semana, quando me vi sentada fazendo meu crochê e como mágica “Indireta” se revela a mim como uma epifania uma resposta a tudo que vivi.”, conta.


“Indireta” conta com a parceria do Banana Música Estúdio, produção de Luciano Portela, percussão por Diego Amaral e mixagem de Braz Torres. A foto de capa do single é assinada pelo fotógrafo Itamar de Souza. A música também ganhará um visualizer, vídeo com imagens em looping, no youtube produzido pelo videomaker Matheus Costa.