top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

Budah lança EP de estreia

Agora é o momento de focar 100% em mim. Com este EP, eu exploro minhas facetas e dou um som diferente para cada uma delas. Tô animada com esta nova fase e mais feliz do que nunca”. É desse modo que Budah resume o sentimento que guia o seu atual momento.



Após encerrar a temporada de shows como uma das principais vozes do projeto “Poesia Acústica”, a artista capixaba se consolida como uma das vozes de destaque no R&B nacional e apresenta o EP “Budah”. O trabalho contém cinco faixas que exploram outras sonoridades dentro do gênero musical em que a cantora se firmou e reúne participações do trapper Yunk Vino e do cantor Vulgo FK. O EP completo acaba de chegar às plataformas de streamingatravés da Universal Music Brasil.


Ao longo de cinco canções, a artista experimenta novos beats para percorrer por narrativas apaixonantes e melancólicas que refletem a sua pluralidade. O primeiro single, “Peito Aberto”, lançado em junho, é a faixa que reafirma o lugar de Budah no R&B. “É a canção mais romântica e melódica do EP, sobre um amor totalmente puro e o sentimento de se estar entregue”, ela afirma. Entre dores e delícias, “Sedenta” fala sobre as complexidades de um envolvimento entre duas pessoas, em que a curiosidade sobre o que isso vai dar é o sentimento principal.


Marcando a primeira participação especial presente no EP, a faixa “NQQP (Não Quero Que Pare)” traz o trapper Yunk Vino para um beat sexy e dançante, enquanto, “Lençol”, feat Vulgo FK, segue uma linha mais do trap. “Essa música é uma realização pra mim. Ela versa sobre um relacionamento muito apaixonado em que os dois não conseguem ficar longe um do outro. Mas aí chegam as demandas da vida e o encontro entre eles se torna um refúgio”, conta Budah.


Namorada”, que completa a tracklist do EP, se difere das outras por apostar mais no instrumental. “É uma canção que ainda traz um olhar sobre o amor, mas enaltecendo a potência de se realizar escolhas dentro de um relacionamento”, resume a cantora. O EP completo chega para somar a um repertório que reúne singles como “Quando Eu Te Olhei” (2022), que integra o projeto “A COLOR SHOW” e garantiu maior notoriedade ao trabalho de Budah; “Onda” (2021) e “Licor” (2019). O EP “Budah” é um cartão de visita da potência artística da artista e prepara terreno para o primeiro disco cheio da cantora, previsto para o próximo ano.

Comentarios


bottom of page