• Guilherme Moro

Bryan Behr lança performance ao vivo da já consagrada “Nada Vale o Preço”

Sinônimo de talento, Bryan Behr já escreveu seu nome entre os artistas mais completos da atualidade. Nesta terça-feira, ele lança uma versão exclusiva da faixa “Nada Vale o Preço”, em voz e violão, com uma Live Performance para o VEVO Sessions. Com essa música, ele fecha sua participação no projeto, que também contou com uma apresentação especial “Conversa de Travesseiro”, já disponível na plataforma.



Composta por Bryan Behr, Davi Carturani, Flávio Ferrari e Juliano Cortuah, a canção que já conquistou o público e representa um dos pontos altos em seus shows, promete surpreender os fãs com essa releitura. Nessa faixa o artista levanta a discussão sobre o medo de estar sozinho e a busca pelo próprio caminho, o deixar o ego de lado. Já o clipe, vai prender a atenção, pela nova interpretação da música de Bryan, mais intimista e trazendo muito sentimento a cada frase cantada.


“Essa música é uma das mais diferentes que já fiz, o arranjo é pesado, a letra é introspectiva, mas o público se identificou desde o lançamento do meu disco "Capítulo 2” . Ela é cheia de significados e foi muito bom poder fazer essa nova roupagem para ela. Acho que a galera vai curtir, assim como eu”, comenta Bryan.



Sobre Bryan Behr

Nascido em Santa Catarina, o multitalentoso Bryan William de Souza já estava predestinado a ser cantor. Uma colega de colégio que gostava de ler a mão dos amigos profetizou: "Você vai ser artista e se chamará Bryan Behr". Anos depois, quando chegou a hora de iniciar sua carreira, o cantor não teve dúvidas, esse seria seu nome.


Hoje com mais de 700 mil ouvintes mensais no Spotify, 275 mil inscritos e 60 milhões de visualizações no Youtube, Bryan Behr já se tornou um fenômeno e referência ao emocionar “cantando estórias” da sua vida através de suas músicas com melodias e letras marcantes, frutos de seu estilo musical livre, sem amarras. A sonoridade de suas músicas vem de um caldeirão de referências de diversos gêneros como pop, folk, rock e MPB.


O novo fenômeno da música pop brasileira começou o ano de 2022 a todo vapor para a alegria dos fãs. Depois de viralizar nas redes sociais com a música “A Vida É Boa Com Você”, que já embalou mais de 1 milhão de vídeos produzidos e postados utilizando a faixa como trilha sonora, lançou o EP “Bryan Behr • Remix Pack” com três dos seus sucessos com uma roupagem inédita remixados por produtores renomados na cena nacional, Liu, Ruxell e Dre Guazzelli. No fim de abril o artista surpreendeu novamente com o emocionante álbum “Todas As coisas do coração” com 12 faixas, lançado no mesmo instante em que gravava seu primeiro audiovisual, num show com ingressos esgotados em São Paulo, dando assim início a sua turnê pelo país.



No último mês de agosto esse poderoso audiovisual foi lançado em todas as plataformas de vídeo, e nas 14 faixas desse projeto fica ainda mais evidente a potência desse grande artista em cima do palco e a sua entrega autêntica e cheia de emoção na relação com o público. Esse show também ganha uma versão de áudio com o lançamento do álbum “Bryan Behr • Ao vivo em São Paulo”, já disponível.


Mesmo com a pandemia, Bryan não parou de produzir, começou 2021 lançando seu primeiro EP do projeto atual, “Capítulo 1”, e encerrou o ano com o EP “Capítulo 2”- trazendo uma super parceria com o cantor britânico multiplatinado Calum Scott. A canção traz os dois artistas cantando em inglês e português com direito a clipe tecnológico que colocou Bryan e Calum lado a lado, mesmo à distância. Versátil como é, Bryan também foi escolhido para interpretar a profunda canção “Travessia”, de Milton Nascimento, em uma programação especial da Amazon Music em homenagem ao artista, que contou com importantes nomes da música brasileira e resultou em um EP lançado em outubro. Além disso, também foi escolhido para representar o POP no programa Alerta Experimente 2021 dos canais Multishow e Bis.


Bryan vem se preparando para esse momento desde 2018, quando lançou seu primeiro EP acústico “Da Cor do Girassol” e logo no ano seguinte, já assinou seu contrato com a GTS e