top of page
  • Foto do escritorGuilherme Moro

“A Arte De Não Morrer” antecede o novo álbum de Jards Macalé

“A arte de não morrer” é o título do segundo single do aguardado álbum de inéditas que Jards Macalé prepara para abril. A canção é uma parceria com José Carlos Capinan, com quem Macalé compõe desde de 1969: “Começamos a parceria com ‘Gotham City’, no Festival Internacional da Canção, foi um acontecimento. Depois fizemos várias músicas, como ‘Movimento dos Barcos’, ‘Meu Amor me Agarra & Treme & Chora & Mata’, ‘78 Rotações’...”, pontua Macalé.


A canção que compôs com Capinan, seu “mais velho novo parceiro”, chega às plataformas de streaming dia 24, via Biscoito Fino. “Durante a pandemia ele escreveu ‘A Arte de Não Morrer’, justamente por estar vivenciando aqueles dias. Ela fala das várias formas de manifestação do amor, de exercitar a arte de viver, portanto, da arte de não morrer”, define o mais recente integrante do grupo de compositores a chegar na marca dos 8.0.


Foto; Léo Aversa

O álbum, que vai se chamar “Coração Bifurcado”, reúne 12 canções compostas com parceiros como Ronaldo Bastos, Rodrigo Campos, Alice Coutinho, Clima, Gui Held, o já citado Capinan e Rômulo Fróes, este último responsável também pela direção artística do álbum.

Todos os arranjos de base foram feitos de forma coletiva por Jards Macalé e a banda formada por Guilherme Held (guitarra), Pedro Dantas (baixo), Rodrigo Campos (violão, cavaquinho e percussão) e Thomas Harres (bateria).

Comentarios


bottom of page